Publicidade
Publicidade - Super banner
Moda No Mundo
enhanced by Google
 

Dragão Fashion Brasil 2012: balanço do último dia de desfiles

Sexta-feira (13) agitada em Fortaleza: a atração contou com desfile internacional, estreia do projeto Indústria Criativa e resultado do Concurso dos Novos

Eduardo Diório, de Fortaleza |

Roberta Braga Studio/Dragão Fashion 2012
Indústria Criativa com curadoria de Jum Nakao - Dragão Fashion Brasil 2012 - Dia 5
O último dia do Dragão Fashion Brasil 2012, a semana de moda de Fortaleza (CE), foi considerado um dos mais agitados e emocionantes desta edição. Afinal, além da divulgação do resultado do projeto Concurso dos Novos, a sexta-feira (13) contou com o desfile da marca italiana Leitmotiv e, provavelmente, do momento mais aguardado da semana: a apresentação da estreante Indústria Criativa, que teve curadoria do estilista Jum Nakao e encerrou os trabalhos de forma surpreendente. “O Dragão fez história”, disse Cláudio Silveira, diretor da atração.

FOTOS! VEJA IMAGENS DE TODOS OS DEFILES DO DRAGÃO FASHION BRASIL 2012

Quem abriu o quinto dia do evento cearense foi a rede de fast fashion Riachuelo. Dividido em três blocos (Swinging London, Lucky Star e Fantasy Forest), o desfile contou com 60 modelos na passarela e mostrou um mix de tendências já visto pelos fashionistas em outras semanas de moda. Há opções para todos os gostos: casacões pesados (para encarar a temporada fria), tubinhos de gola alta, vestidos com cintura deslocada, calças bem sequinhas e botas de montaria. Para os amantes de uma moda básica e pronta para ser usada, os looks da Riachuelo são perfeitos para renovar o estoque do guarda-roupa sem medo de errar e gastar muito dinheiro.

Na sequência, quem mostrou a coleção de inverno foram os rapazes da Leitmovit. O estilista (italiano) Fabio Sasso e o artista plástico (colombiano) Juan Caro, responsáveis pela equipe criativa da marca, apresentaram o que sabem fazer de melhor: estamparia digital de ponta, corte seco e peças bem comerciais. Assim como quando desfilaram no ColombiaModa 2011, a semana de moda colombiana que contou com cobertura do iG Moda, a dupla estava animada por ter participado, mais uma vez, de uma semana de moda na América Latina.

Já Delfrance Ribeiro, como o próprio material para a imprensa diz, criou roupas de festa com “personalidade e feminilidade, diferente de qualquer outro estilo”. E não há como discordar: a originalidade das peças do estilista é limitada para uma turma de clientes que preza pelo exagero, cores fortes e modelagens inéditas. Terminada a apresentação de Ribeiro, a plateia foi convidada a assistir o desfile da popular Handara, que convocou a modelo e apresentadora Gianne Albertoni para assinar a coleção de Inverno 2012, caminhar pela passarela e fazer caras e bocas para os fotógrafos.

Nos últimos momentos do DFB 2012, a estilista baiana Marcia Ganem mostrou uma linha de peças delicada e trabalho manual hipnotizante. A riqueza de detalhes pode ser vista do começo ao fim do desfile, principalmente nos vestidos de noiva nada comuns. Ainda sob efeito da beleza das roupas de Marcia, o final mais aguardado da semana fashion de Fortaleza: a apresentação do projeto Indústria Criativa, onde 20 participantes desenvolveram, pela primeira vez durante uma semana de moda e em tempo real, uma coleção inédita. Com curadoria de Jum Nakao, os 'confinados' desenvolveram uma coleção a partir de um breve manifesto, criado por Jum, sobre a Redescoberta do Paraíso Brasileiro. O tema propôs a inovação e apropriação das tradições da moda brasileira nordestina, onde foi visto muita renda, moulage, crochê, aplicações e matéria-prima brasileira. O resultado final deve virar um documentário e uma exposição.

SUPERGALERIA! VEJA IMAGENS DE TODOS OS DEFILES DO DRAGÃO FASHION BRASIL 2012

E para o grande final, Silveira deixou guardado o resultado do Concurso dos Novos, que possibilita aos estudantes de moda uma experiência profissional de trabalho em grupo. A escola Santa Marcelina, de São Paulo, foi anunciada como a grande campeã e, além de participar do calendário oficial do evento, a turma paulistana ganhou R$ 6 mil do projeto realizado há quatro anos.

O repórter viajou a convite da produção do evento.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG