Publicidade
Publicidade - Super banner
Moda No Mundo
enhanced by Google
 

Sexta-feira é dia de branco

O branco total é tendência para o verão 2012 e o IG Moda foi à Bahia e descobrir porque lá toda sexta-feira é dia de branco

Diane Lima, de Salvador |

Charles Naseh
O branco total é tendência para o verão 2012, mas na Bahia é moda de toda sexta-feira
As passarelas internacionais já anunciaram: no verão 2012 o branco total é tendência e, por isso, pode e deve ser usado em qualquer dia da semana. Já, na Bahia, vestir branco é uma prática enraizada na cultura local,  e tem significados próprios e bem diferentes. Quem já esteve em Salvador e não se perguntou porque às sextas-feiras a cidade fica tomada de vestes brancas?

Alguns falam de obrigação, outros de coincidência, outros tantos de mania e devoção. Pensando nisso, iG Moda foi às ruas da capital baiana investigar o que está por trás dessa aparente pretensão fashion e descobriu que, além da crença por motivos religiosos, o que existe é um grande respeito à tradição.

O uso do branco neste dia da semana representa a união de adeptos e não adeptos das religiões de matrizes africanas, em prol da manutenção de um hábito passado de geração em geração, que no Candomblé reverencia o orixá Oxalá, e no sincretismo religioso, devoção ao Senhor do Bonfim, ambos representados pela cor branca e consagrados na sexta-feira.

“Muitos dos que não são seguidores, mas denominam-se simpatizantes de uma ou outra devoção, usam o código da cor por crer nela como símbolo de boas energias, ou por acreditar ser uma forma de afirmação e pertencimento, fazendo manter viva a tradição no inconsciente coletivo da população baiana e de todos os que visitam a Bahia”, diz a historiadora Mira Albuquerque, que, quando vestida de branco na sexta-feira, foi abordada por nossa equipe.

CURTA A PÁGINA DO iG MODA NO FACEBOOK E SIGA O @iGMODA NO TWITTER

Seja por ter ouvido um conselho de uma amiga, seja por obrigação, por coincidência, afirmação ou simplesmente por estar na Bahia, a manutenção dessa prática cultural assinala um grande exemplo de convívio com as diferenças locais em favor da disseminação dos sentimentos de paz, tranqüilidade, proteção e boas energias. Para o designer e adepto ao candomblé André Dias de Lima, "nas sextas-feiras existe um sentimento afeto-religioso em Salvador, onde até quem não é do axé, se veste de branco e reproduz consigo toda a paz e a luz do pai Oxalá".

Para quem está em busca de inspiração para o verão 2012, a sexta-feira baiana é sem dúvida um laboratório de múltiplas interações culturais, com mistura de modos, modas e referências diversas, um verdadeiro convite ao exercício criativo do branco total. Como diz a canção de Adriana Calcanhoto, “Toda sexta-feira toda roupa é branca, toda pele é preta, todo mundo é baiano junto”. 

Leia tudo sobre: Roupa brancasexta-feiratendênciaVerão 2012Salvador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG